24 de abr de 2013

Aprendi que fazer 18 anos não te torna adulto e não muda sua vida.
Aprendi que nessa vida tudo passa e anda se leva,
Que se você não acreditar em si próprio, ninguém irá acreditar.
Aprendi também que as pessoas mentem e que nem todas são confiáveis.
Aprendi que as palavras ditas sem querer machucam e é difícil esquecer,
Que existem pessoas que não merecem segunda chance,
E que só existem pra fazer o outro alguém sofrer.
Aprendi que tem que se dar valor a si mesmo antes de dar valor pra quem ta do seu lado.
Aprendi que quem te ama de verdade vai estar do seu lado e não tem orgulho que mude isso.
Aprendi que pra realizar alguns sonhos é preciso deixar muita coisa pra trás.
Aprendi que pra dar certo tem que acreditar.
Aprendi que as pessoas vão embora e isso doí.
Aprendi que, as vezes, viver sozinho é o melhor jeito de se viver
E aprendi também que o melhor jeito de se viver é o que te faz feliz.
Mas aprendi que o jeito que te faz feliz as vezes é errado pros outros
E foi ai que eu aprendi a não dar ouvidos aos que os outros falam, e sabe por que?
Porque a vida é curta e o tempo passa voando...
Então aprendi que tenho que viver um dia de cada vez, sem medo e sem pressa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha foto
Quem já não se perguntou: sou um monstro ou isto é ser uma pessoa?

Uma vida com saudade

Followers